19 fevereiro, 2013

Cinquenta Tons de Cinza [Resenha]


Título: Cinquenta tons de Cinza
Autora: E L James
Páginas: 455
Editora: Intrínseca

Sinopse:

'' Quando Anastasia Steele entrevista o jovem empresário Christian Grey, descobre nele um homem atraente, brilhante e profundamente dominador. Ingênua e inocente, Ana se surpreende ao perceber que, a despeito da enigmática reserva de Grey, está desesperadamente atraída por ele. Incapaz de resistir à beleza discreta, à timidez e ao espírito independente de Ana, Grey admite que também a deseja - mas em seus próprios termos. Chocada e ao mesmo tempo seduzida pelas estranhas preferências de Grey, Ana hesita. Por trás da fachada de sucesso - os negócios multinacionais, a vasta fortuna, a amada família -, Grey é um homem atormentado por demônios do passado e consumido pela necessidade de controle. Quando eles embarcam num apaixonado e sensual caso de amor, Ana não só descobre mais sobre seus próprios desejos, como também sobre os segredos obscuros que Grey tenta manter escondidos... ''

Resenha:

''Cinquenta tons de Cinza é um livro que aguardei ansiosamente, ouvi falar dele milhares de vezes e estava agoniada para ler logo e descobrir quem era o tal do Christian Grey! Eu amei o livro, achei as semelhanças com Crepúsculo encantadoras e a personagem principal é bem bacana, embora José, o suposto Jacob da trama, precise se esforçar mais nos próximos 2 livros para ser páreo para Christian Grey, nosso Edward das trevas. O livro basicamente conta a história de Bel... er... Anastasia Steele, que conhece por um acaso o misterioso e sinistro Christian Grey, com quem se envolve, e como ela se vê  num mundo de submissão em que Christian é o dominador.

''"- Isso quer dizer que você vai fazer amor comigo hoje à noite, Christian?
Puta merda, será que acabei de dizer isso? Ele fica boquiaberto, mas logo se recupera.
- Não, Anastasia, não quero dizer isso. Em primeiro lugar, eu não faço amor. Eu fodo... com força. Em segundo lugar, ainda tem muita papelada para assinar. E, em terceiro, você ainda não sabe onde está se metendo. Ainda pode cair fora."

O livro é bem forte, sensual, com muito sexo e muitas técnicas de dominação e submissão, pra quem gosta de novidades é um prato cheio, confesso que fiquei bem curiosa, mas quem ler deve se lembrar que no mundo real as coisas sempre são diferentes, e que os caras adeptos da prática, provavelmente 98% deles, não tem nada de Christian Grey. Enfim, eu amei pra valer, embora a autora faça Ana ''chegar lá'' umas 4 vezes seguidas o tempo inteiro, e como sabemos que a vida não é um filme pornográfico, isso quebra totalmente aquela linha tênue com a realidade. Isso é absurdo!!! De qualquer forma o final me deixou doida por mais, em breve lerei Cinquenta tons mais escuros, porque esse eu adorei ;D''

6 comentários:

Juliana Pires disse...

Confesso que se a história não tivesse nada a ver com Crepuscúlo eu ficaria bem mais curiosa com a história. Eu tenho vontade de ler, mais fico com receio do que vou encontrar, e orgasmos multiplos até existem, mas dúvido que numa garota que mal iniciou a vida sexual. Chicotinhos a parte, e com essa quote, que tem o dialogo mais engraçado que já li nos ultimos tempos, e vou ler o livro por sua causa.

bjks

Evelyn Leal disse...

Oi
Eu odiei esse livro! 50 tons era uma história que tinha tudo para dá certo, mas a autora transformou em algo bobo. As descrições são pobres e o tema parece só teve como fonte de pesquisa o Wikipédia.


Ah eu deixei uma tag pra você:

http://avidadeumabookaholic.blogspot.com/2013/02/tag-para-saber-mais-sobre-o-blog.html


Beijos

Prateleira de Biblioteca disse...

Sinceramente não espero muito desse livro, haha. É exatamente por não esperar muita coisa que não sinto vontade alguma ler, apesar de ser muito procurado, ter muitas vendas e tudo, eu não acredito muito nessa obra D:
Adorei o blog!
Abraços,
Stefanie.

Giani Plata disse...

Misericordia Dani!!!

Que palavreado é esse???
Fodo e com força!!
kkkkkk

Imagina se uma criança pega um livro desse esquecido pela irmã em cima da cama?!

Vai fazer um estrago!!!

Mamãe, O que é foder com força?
O papai já fez isso com vc?

kkkkkkkkkkkkkk

Quero ver sair dessa mamãe!!!

Ganhei esse livro num sorteio, mas acho q vou ler só depois q eu tiver os outros 2 pois não gosto de chegar no final do livro e ficar curiosa pra saber o que vem depois....
Tenho que ler tudo de uma vez!

Beijokas!

Aline Coelho disse...

Miga parabéns pela resenha, vc me deixou curiosa.
Assim que minha lista de pendências diminuir pego com minha mãe e leio.

Paloma Viricio disse...

Olá Flor! Gostei da sua resenha...foi bem sincera. Ainda não li nada da trilogia, mas pretendo.,Achei interessante a sua observação comparando esses livros e a realidade. Realmente...li outros livros hots e alguns fogem demais da realidade...parecem mais relatos das das fantasias sexuais das personagens.
Gostei da resenha e fiquei mais curiosa sobre esse livro;
Beijos!
Paloma Viricio- Jornalismo na Alma